03 de Julho de 2011

Uma região sem petróleo, carvão ou gás natural, que não tem experiência em energia nuclear, mas que se vangloria de ter um dos melhores índices de radiação solar da Europa, está finalmente empenhada em aproveitar as oportunidades da revolução das tecnologias limpas. Em entrevista ao JA, o mentor do projeto, Marc Rechter, traça os mais ambiciosos objetivos em matéria de energias renováveis, frisando que existem todas as condições para o desenvolvimento desta atividade na região, com a criação de plataformas solares de demonstração que ajudarão a divulgar as vantagens de energia solar a todo o mundo.

O Algarve está à beira de receber uma nova indústria. E, melhor ainda, “a região pode posicionar-se na linha da frente das energias renováveis”, um setor que continua em franca expansão, em parte devido ao preço cada vez mais elevado do petróleo e do gás, mas também devido ao risco associado à energia nuclear.

A aposta é do Algarve Energy Park, liderado por Marc Rechter, que em declarações ao JA adiantou que o primeiro passo deste projeto vai avançar já no próximo mês de agosto, com a construção da primeira plataforma de demonstração solar no concelho de Alcoutim.

Um investimento que ascenderá aos 20 milhões de euros, até 2012, e deverá ultrapassar os 50 milhões de euros no final de 2014. Para Monchique, está ainda projetada uma fase futura do projeto.

“O objetivo é dinamizar o potencial do setor solar em Portugal. Para isso, estamos a atrair para os nossos projetos os grandes intervenientes do setor energético mundial”, revela ao JA Marc Rechter…

fonte:http://www.jornaldoalgarve.pt/

publicado por adm às 10:29

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.


pesquisar
 
arquivos
2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


links