27 de Setembro de 2010

Portuguesa Technoedif vai trabalhar no empreendimento no Suez.

 

Sines esteve na "short-list" da SilicoTek para a instalação de um projecto de fabricação de polisilício, uma matéria prima fundamental na produção de painéis solares. Mas os promotores do projecto optaram pelo Egipto, na zona do Suez, por culpa, em parte, da falta de financiamento da banca nacional. 

Em declarações ao Negócios, Joaquim Gomes da Cruz, administrador da Technoedif, empresa portuguesa de engenharia que foi contratada para o empreendimento, ainda que tenha sido escolhida outra localização disse que "em Maio de 2009 houve uma reunião com a AICEP mas acabou por ser escolhido o Egipto". 

O projecto implica um investimento de 480 milhões de dólares (359,4 milhões de euros) e estará concluído em 2012. Além disso, segundo explica a empresa portuguesa a produção gerará um produto intermédio, denominado gás silano, o qual é utilizado na fabricação de ecrãs LCD.

fonte:jornaldenegocios

publicado por adm às 21:47

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.


pesquisar
 
arquivos
2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


links