01 de Junho de 2013

A Martifer Solar está a construir o maior parque fotovoltaico da América Latina no México, um projeto que irá produzir eletricidade suficiente para cerca de 160 mil habitantes, estando prevista a conclusão da primeira fase em agosto.

 

O parque a ser construído pela subsidiária da Martifer SGPS, refere o comunicado, "quadruplica a capacidade fotovoltaica instalada no México" e terá uma capacidade de produção de 82 GWh por ano, que "permitirá evitar a emissão de mais de 60.000 toneladas de CO2 por ano". 

A Martifer Solar é a responsável pela engenharia, fornecimento e construção do parque e ficará também encarregue dos futuros serviços de Operação e Manutenção (O&M), sendo que o projeto "será financiado pelo banco mexicano Nafin, pelo IFC (International Finance Corporation, the World Bank Group) e pela Corporación Aura Solar". 

Segundo fontes próximas da operação, o projeto envolve um contrato de 80 milhões de euros para a empresa portuguesa, sendo que o parque, em construção para a Gauss Energía, situa-se na região de La Paz, Baja California, numa área de 100 hectares. 

O comunicado refere que se trata "do primeiro projeto de grande escala a ser construído no México já com um contrato PPA (Power Purchase Agreement) entre uma empresa privada e a Comissão Federal de Eletricidade, empresa elétrica nacional, estando desta forma assegurada a venda da energia produzida pelo parque, durante 20 anos". 

Hector Olea, diretor geral da Gauss Energía, empresa mexicana especializada em desenvolvimento de projetos no setor energético adiantou que "a experiência mundial da Martifer Solar foram fatores decisivos aquando da análise das propostas realizadas pelas principais empresas do setor".  

Já o presidente executivo da Martifer Solar, Henrique Rodrigues, sublinhou que a construção do maior parque fotovoltaico da América Latina "vem confirmar as nossas melhores expectativas para 2013", considerando o mercado mexicano como "chave na estratégia de internacionalização da Martifer Solar".

Com um elevado número de horas de exposição solar, o México destaca-se por um grande potencial no setor fotovoltaico, prevendo-se um aumento exponencial da capacidade instalada nos próximos anos, para que o país possa atingir a meta de 35% de energias renováveis no 'mix' de energia até 2026.

A Martifer Solar está presente no mercado mexicano desde 2011, o maior projeto de energia solar em operação no México tem uma potência de 5 MW, sendo que o país totaliza cerca de 13 MW de capacidade instalada.

fonte:Lusa

publicado por adm às 23:18

pesquisar
 
arquivos
2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


links